Coleta de assinaturas para plebiscito contra a privatização de SP e atividades do VAMOS! mobilizam o segundo semestre

12/09/2017 Destaques, POVO SEM MEDO, PSOL

Executiva Municipal do PSOL São Paulo estimula a participação de sua militância nas atividades

Duas frentes de resistência devem ocupar muito dos esforços de quem luta para barrar os retrocessos e ataques aos direitos promovidos pelos governos de João Doria, Geraldo Alckmin e Michel Temer. São elas as atividades da plataforma VAMOS!, que reunirão diversas figuras e movimentos da esquerda para pensar um programa político que se disponha a contribuir para a reorganização da esquerda e uma saída popular para o país. Assim como uma massiva coleta de assinaturas para a apresentação de um projeto de lei de iniciativa popular na Câmara Municipal de São Paulo para que o Plano Municipal de Desestatização e todas as privatizações propostas por João Doria sejam avaliadas pela população através de um plebiscito.

Reunida no último dia 05 de setembro, a Executiva Municipal do PSOL São Paulo determinou como prioridade o engajamento de sua militância e dos simpatizantes do partido nestas duas atividades centrais durante este segundo semestre.

 

PLEBISCITO CONTRA AS PRIVATIZAÇÕES DE DORIA

A coleta de assinaturas para a realização de um plebiscito sobre as privatizações na cidade de São Paulo já começou e é uma iniciativa de vários movimentos sociais que pressionará o legislativo municipal para que a soberania popular seja respeitada. Segundo o artigo 45 da Lei Orgânica do Município, a Câmara Municipal é obrigada a avaliar propostas de plebiscitos que sejam sugeridos por pelo menos 2% dos eleitores da capital, o que equivale a por volta de 170 mil pessoas.

A meta é ambiciosa, mas urgente e necessária para pressionar João Doria e seus aliados a levarem conta a opinião popular enquanto tentam prosseguir com sua tentativa de vender a cidade toda. Você pode baixar o arquivo oficial da coleta de assinaturas (importante para que as assinaturas sejam válidas!) aqui!

Os mandatos dos vereadores do PSOL na Câmara Municipal, Toninho Vespoli e Sâmia Bomfim, assim como a sede do partido (Al. Barão de Limeira, 1412) estarão à disposição para receber as assinaturas coletadas. A sede do PSOL funciona das 10h às 18h, de segunda a sexta-feira. É de vital importância a coleta de assinaturas nos bairros, locais de trabalho, colégios, universidades, em banquinhas na rua, e outras iniciativas possíveis.

 

VAMOS!

A plataforma VAMOS! foi lançada no último dia 26 de agosto em uma atividade no Largo da Batata, em São Paulo, que contou com a presença de mais de 500 ativistas e figuras de peso, como a deputada federal Luiza Erundina, e o deputado estadual do Rio de Janeiro Marcelo Freixo, ambos do PSOL. A proposta é pensar, de forma coletiva entre militantes, movimentos sociais e coletivos de esquerda, uma plataforma política para construir outro Brasil possível.

Várias outras atividades serão realizadas em São Paulo e em todo o Brasil até o final do ano para estimular o debate – que também pode ser feito na plataforma virtual – dos rumos da esquerda no país. É muito importante a participação da militância do PSOL nestes espaços!

 

Confira o cronograma previsto das atividades da VAMOS! em São Paulo até o final do ano:

Economia – 12/09 – terça-feira

Territórios – 24/09 – domingo

Política – 05/10 – quinta-feira

Comunicação – 17/10 – terça-feira

Educação – 25/10 – quarta-feira

Saúde – 31/10 – terça-feira

Opressões – 12/11 – domingo

Fascismo – 22/11 – quarta-feira