João Doria e a pose para a foto

02/01/2017 Destaques, João Doria

doria-gariNesta segunda-feira (2) pela manhã, João Doria começou sua gestão se vestindo de gari, ao lado de alguns de seus secretários, para posar para fotos na Praça 14 Bis, no centro da cidade.

De fato, varreu poucos metros da calçada. Como disse a gari Marilda da Cruz Silva durante a ação publicitária do novo prefeito, “Quero ver se vai aguentar o dia inteiro”. Estas pessoas que mantêm a cidade funcionando com seu suor estão calejadas de oportunistas que tentam melhorar sua imagem às custas do estigma de sua profissão.

Essa tentativa de ação populista tenta criar uma imagem “popular” de uma gestão composta quase que exclusivamente pela elite da cidade. O que se vê na nova administração, do prefeito ao último secretário, é a cara de sempre na política: homens, brancos e ricos. Muito pouco escapa a este perfil. Não serão alguns minutos desajeitados com uma vassoura na mão que mudarão a realidade.

João Doria prometeu que fará esta mesma ação em todas as semanas enquanto estiver prefeito. Se ele pensa que alguns minutos posando para fotos uniformizado vão aliviar a reação às ações de sua gestão, como o aumento do preço da tarifa na integração do transporte público ou a entrega dos bens públicos à preço de banana para seus amigos empresários, está muito enganado!

A discussão política tem que ir além dos retratos e impressões. O povo quer saber o que vai mudar no seu dia-a-dia e logo perceberá que, se as condições de vida na cidade já não iam lá essas coisas, com Doria na prefeitura a situação vai piorar rápido para quem depende dos serviços públicos.